-
20-03-2019

O CIALP manifesta toda a sua solidariedade à população de Moçambique pela catástrofe em resultado da passagem do Ciclone “IDAI”. Aos nossos parceiros moçambicanos, amigos e familiares, queremos deixar uma palavra de apoio e muita força em nome de todos os membros do CIALP.

Sabemos que em Portugal, através da Cruz Vermelha e da UNICEF, já se encontra a decorrer uma campanha internacional de apoio, para qual apelamos a todos uma ajuda efectiva.

-
15-03-2019

O 6 FIPA - Fórum Internacional do Património Arquitetónico terá como tema principal " A Preservação da Multiculturalidade no Património Cultural" e realizar-se-à no Mosteiro da Batalha de 22 a 24 de maio de 2019, com a organização conjunta da Universidade de Aveiro (Coordenação), a Direção Geral do Património Cultural (DGPC), o Município da Batalha, o Mosteiro da Batalha, contando ainda com o apoio na organização dos parceiros Rota do Românico e Instituto Politécnico de Leiria da parte de Portugal e da parte do Brasil: Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), Instituto dos Arquitetos do Brasil, Conselho de Arquitetura e Urbanismo de São Paulo (CAU SP) e UIA2020 (Brasil).

-
06-03-2019

O arquitecto japonês Arata Isozaki foi o laureado do Prémio Pritzker de Arquitectura 2019, considerado o “Prémio Nobel” para a área de arquitectura. Isozaki, que pratica arquitectura desde 1960, tem sido considerado um visionário pela sua abordagem transnacional e destemidamente futurista.
Com mais de 100 obras construídas, Isozaki também é um dos mais prolíficos e influentes entre os seus contemporâneos. Isozaki é o oitavo arquitecto japonês a receber a honra.

Na citação do prémio, o juri disse “… na sua busca por arquitectura significativa, ele criou edifícios de grande qualidade que até hoje desafiam categorizações, reflectem a sua constante evolução e estão sempre actualizados na sua abordagem”.

Um dos jurados foi o diplomata brasileiro, especialista em Arquitectura, André Aranha Corrêa do Lago, actual embaixador do Brasil no Japão.

-
20-02-2019

Na qualidade de Presidente da União Africana dos Arquitectos, UAA, o actual vice presidente do CIALP, Victor Leonel, recebeu a mais alta homenagem do RIBA com a atribuição da medalha Presidencial.

-
19-02-2019

Foi assinado dia 18 de fevereiro, entre a Prefeitura do Rio de Janeiro e o Instituto de Arquitetos do Brasil, o acordo de cooperação para a realização da programação “Rio Capital Mundial da Arquitetura Uia-Unesco 2020”.

Para Nivaldo Andrade, presidente do IAB, o programa do Rio Capital Mundial da Arquitetura UIA/Unesco deixará como principal legado para a cidade o olhar das autoridades públicas e da sociedade para os atuais desafios urbanos.

-
13-02-2019

As Universidades do Grupo de Coimbra oferecem visitas de curta duração (geralmente 1 a um máximo de 3 meses) aos jovens pesquisadores de instituições de ensino superior da África Subsariana. O principal objetivo deste programa de bolsas de estudo é permitir que realizem pesquisas nas quais estejam engajados em sua instituição de origem e ajudá-los a estabelecer contactos académicos e de pesquisa. As bolsas são apoiadas financeiramente pelas Universidades do Grupo Coimbra que participam neste programa, enquanto o Gabinete do Grupo de Coimbra é responsável pela gestão das candidaturas.

As seguintes universidades do Grupo Coimbra participam na edição de 2019:

Universidade de Barcelona (Espanha)
Universidade de Coimbra (Portugal)
Universidade de Colónia (Alemanha)
Universidade de Granada (Espanha)
Universidade de Graz (Áustria)
Universidade de Groningen (Holanda)
KU Leuven (Bélgica)
Universidade de Padova (Itália)
Universidade de Pavia (Itália)
Universidade de Poitiers (França)
Universidade de Salamanca (Espanha)
Universidade de Siena (Itália)
Critérios de elegibilidade

Os candidatos devem ser:

nascidos em ou após 01 de janeiro de 1974;
cidadãos e residentes atuais em um país da África Subsariana;
possuir vinculação com uma universidade ou uma instituição de ensino superior na África Subsariana (pós)-doutoramento ou status equivalente.
Na maioria das universidades, a língua de ensino é a do próprio país, mas em muitas universidades é possível usar o inglês como língua de trabalho.

Os candidatos devem preencher, em inglês, o formulário de candidatura on-line até de 31 de março de 2019 (hora de Bruxelas).

Mais informações consulte o site do Coimbra Group

- -